Carlos Motta
1978, em Bogotá, Colômbia

Carlos Motta vive e trabalha em Nova Iorque, E.U.A, e licenciou-se no Whitney Independent Study Program, Nova Iorque (2005/06) e ganhou uma bolsa do Guggenheim Foundation em 2008. Faz parte dos quadros da faculdade na Parsons The New School of Deseign, The School of Visual Arts, Milton Avery Graduate School of the Arts da Brad College, Internacional Center of Photography e The Vermont College of Fine Arts. O seu trabalho esteve presente em diversas exposições internacionais, tais como: The Guggenheim Museum, Nova Iorque; MoMA/PS1 Contemporary Art Center, Nova Iorque; Institute of Contemporary Art, Filadélfia; Museo de Arte del Banco de la República, Bogotá; Museu Serralves, Porto; National Museum of Contemporary Art, Atenas; CCS Bard Hessel Museum of Art, Annandale-on-Hudson; San Francisco Art Institute, São Francisco; Hebbel am Ufer, Berlim; Yerba Buena Center for the Arts, São Francisco, e New Museum, Nova Iorque. Ainda as suas obras incluem inúmeras coleções, tais como: Bronx Museum, Nova Iorque, USA; Colección Dieresis, Guadalajara, México; Deutsche Bank, Nova Iorque, USA; Guggenheim Museum, Nova Iorque, USA; Metropolitan Museum of Art, Nova Iorque, USA; Museo de Arte Contemporaneo de Barcelona (MACBA), Espanha; Museu Fundação Serralves, Porto, Portugal; Museum of Modern Art (MoMA), Nova Iorque, USA; Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofia, Madrid, Espanha; National Museum of Contemporary Art (EMST), Atenas, Grécia; The Art Institute of Chicago, USA; Wroclaw Contemporary Museum, Varsóvia, Polónia.

Carlos Motta é um artista multidisciplinar cujo trabalho se baseia em história política numa tentativa de criar narrativas contraditórias que reconheçam a inclusão de histórias, comunidade e identidades reprimidas. Na sua prática artística inclui instalações, vídeos, fotografia e escultura, produzindo, também, documentários. Motta concentra o seu corpus nas histórias e políticas das minorias sexuais e de género, produzindo narrativas que revisita de forma crítica. Nas palavras do próprio artista “E se imaginarmos um futuro inclusivo para todos, um futuro a que se chegou tomando os caminhos que sempre nos foram apresentados como impossíveis? Não um futuro impossível, mas um futuro desejável?”. Nada em Carlos Motta é impossível e tudo em Carlos Motta é desejável.

OBRAS

Obras Selecionadas

Algumas das

Exposições

Exposição Colectiva | Maré

Sob o título “Maré”, a presente exposição toma como ponto de partida o núcleo dos artistas representados pela Galeria Filomena Soares.

Loja

Carlos Motta History’s Backrooms

HISTORY’S BACKROOM

morada Rua da Manutenção nº 80 (Xabregas)1900-321 Lisboa | Portugal Autocarro: 718, 728, 739, 742, 759Horário Terça-feira a Sábado das 10h às 19hDomingo e Segunda-feira: Fechadocontactos info@gfilomenasoares.com T: +351 218 624 122 M: +351 962 373 956Redes...

Notícias

morada

Rua da Manutenção nº 80 (Xabregas)
1900-321 Lisboa | Portugal

Autocarro: 718, 728, 739, 742, 759

Horário

Terça-feira a Sábado das 10h às 19h
Domingo e Segunda-feira: Fechado

contactos

info@gfilomenasoares.com

T: +351 218 624 122
Chamada para a rede fixa nacional

M: +351 962 373 956
Chamada para a rede móvel nacional

Redes sociais

Newsletter